quarta-feira, 29 de maio de 2013

Piadas  dia  30 de  Maio  2013


Por que o Batman colocou o batmóvel no seguro?

Porque ele tem medo que robin.


Na clínica veterinária, um gato conversa com um rottweiler. E o gato, quase chorando, conta:
-Me trouxeram aqui para ser capado…
-Caraca! Por quê? – pergunta o cachorro.
-Eu traçava todas as gatinhas dos vizinhos e a barulheira durante a noite incomodou o meu dono. Aí ele decidiu me capar. E você, por que é que você veio?
-Bão!, Eu tava em casa paradão, sem nada pra fazer, aí o meu dono foi tomar banho, tirou a roupa e agachou de quatro pra pegar o sabonete que tinha caído debaixo da pia. Aí eu vi aquele bundão e perdi a cabeça. Montei nas costas dele e mandei ver! Resultado: o bundão ficou com as costas inteirinhas arranhadas.
-E você vai ser capado por isso?!
-Não, o bundão me mandou pra cá só para aparar as unhas…

Casal na caminha

 
Um casal na cama:
Ela: Vai amor, vai… mais depressa… mais depressa que eu ja vou… já vou indo… ja tou indo… aaahnnn…
Ele: Vai… vai… vai… que eu também já tô indo… aahhn…
O Garotinho escutando atrás da porta:
- E eu, vou ficar com quem?

Pra Fechar


Batizados de Capeta e Buceta


Escolhendo bem o Nome dos Bebês

Uma certa mulher na sala de parto prometeu a si mesma que o primeiro nome que gritasse na hora da dor seria o nome do filho dela.

Sentindo muita dor durante o parto, a mulher gritou:

- Ai “Capeta”!!

E o nome do filho, pobre menino, dela ficou sendo esse.

Algum tempo depois estava grávida novamente, e fez a mesma promessa da ultima vez.

No parto, novamente com muita dor gritou:

- Ai “Buceta”!!

E a infeliz filha assim foi batizada.

Alguns anos depois, todos estavam se arrumando para ir a igreja, e o filho dela resolveu ir na frente. Chegando lá o pastor começa a falar:

- Sai “Capeta”! desaloja!, Sai “capeta!”

O menino (o Capeta de batismo) saiu chorando, então o pastor foi atrás dele e perguntou:

- Por que você esta indo embora, meu filho?

- Porque o senhor que mandou! – respondeu o garoto.

- Me diga qual é o seu nome? – continua o pastor.

- Ora, meu nome é “Capeta”. –diz o pimpolho.

E o pastor assustado com aquilo esconjura e pergunta:

- Cadê sua mãe, que eu quero falar com ela?

Rapidamente o menino responde:

- Ela tá atrasada. Ficou lá em casa penteando o cabelo da “Buceta”!